quarta-feira, 29 de junho de 2016

INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICA COM PRÁTICAS DE LUDOTERAPIA E ARTETERAPIA


Este livro traz uma proposta diferenciada de intervenção psicopedagógica por meio das técnicas de Ludoterapia e Arteterapia. Visa facilitar a valorização do ser humano por  um olhar integrado, que utiliza recursos de arte e de atividades lúdicas como base para a ressignificação de emoções, aprimoramento da autoestima, investimento na atenção e nas funções executivas superiores, superação de dificuldades, refinamento das relações intrapessoais e interpessoais.
Por meio de atividades criativas, com jogos e estratégias de arte, o processo terapêutico propicia entrar em contato consigo mesmo e alcançar o autoconhecimento. O trabalho psicopedagógico com o viés da Ludoterapia e da Arteterapia proporciona um campo mais amplo de possibilidades de superação das dificuldades de aprendizagem e reorientam para um caminho de sucesso na vida pessoal, acadêmica e profissional. As técnicas abordadas possibilitam o trabalho com as diferentes faixas etárias, desde a criança até o idoso.

O Preço do Silêncio


O Preço do Silêncio é uma história intensa sobre segredos de família, assassinatos, amizade e traição, que esconde verdades aterradoras atrás de rostos felizes. 
A estória do filme gira em torno de Dot (Camilla Belle), uma garota surda e muda que fica orfã e vai morar com seus padrinhos. Ela passa a conviver com a família e aos poucos vai descobrindo todos os segredos que envolvem o seu padrinho (Martin Donovan) e sua filha Nina (Elisha Cuthbert).

Jogo de areia



Esta obra mostra a criação de um instrumento de intervenção psicopedagógica, uma construção de conhecimento que faz sentido, que traz significados para o paciente e para a prática do psicopedagogo. A autora desenvolveu este trabalho de pesquisa com o objetivo de construir uma integração entre o método psicoterapêutico junguiano do Jogo de Areia e o método clínico piagetiano para trabalhar com crianças e adolescentes em atendimento psicopedagógico clínico. O sujeito constrói cenários em uma das caixas de areia molhada ou seca. Estas construções expressam a condição cognitiva e afetiva que o sujeito possui naquele momento e adquire a possibilidade de desenvolver o seu pensamento de forma lúdica, trabalhando, assim, as dificuldades de aprendizagem.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Intervenções Clínicas


Este livro pretende chamar a atenção para o fato de que a constituição terapêutica é uma práxis constituída na e pela relação entre terapeuta e paciente. Aqui o leitor encontrará uma série de reflexões, técnicas e estratégias que procuram elucidar as questões sobre a formação do terapeuta e sua prática em diferentes contextos, tais como as Dificuldades de Aprendizagem, Inclusão, Bullying e as configurações clínicas.

Meu nome é Khan!


O filme “My Name is Khan” conta a história de Rizvan Khan, um indiano portador a síndrome de Asperger's, um tipo de autismo. Depois que se muda para os Estados unidos, Khan se apaixona por Mandira, uma cabeleireira separada que vive com o filho Sameer (Sam). Khan é maometano e Mandira, hindu, mas suas diferenças religiosas não impedem que se casem. Os problemas começam com o 11 de setembro, quando passam a ser atacados por sua origem étnica e devido a generalizações preconceituosas. Depois de sofrer bullying por parte de colegas, Sam é morto em uma briga, e Mandira, revoltada, culpa o marido, e lhe diz que ele só poderia voltar depois que dissesse ao presidente da república que ele não é um terrorista, e que o filho dela também não era. Rizvan interpreta isso literalmente, e empreende uma peregrinação para ter sua esposa de volta.